Categorias
Curiosidades

Os benefícios do marmelo (além de fazerem a marmelada)

Os benefícios do marmelo – um fruto desta estação por excelência, talvez seja um dos raros frutos cuja época do ano, o Outono, ainda se respeita…

Ficamos um ano inteiro à espera que caiam, o seu aspeto lembra uma maçã, mas por ter uma polpa rija e ácida é consumido assado ou cozido, em compota, ou como a tradicional marmelada.

Na Grécia Antiga, as maçãs douradas, como era chamado o marmelo, estavam consagradas à deusa do amor, Afrodite.

Os benefícios do marmelo

O marmelo é um importante fruto de inverno, podendo ser consumido cru, assado ou cozido em compota, geleia ou marmelada, o marmelo é um fruto outonal de polpa esbranquiçada e casca amarela. O marmelo é rico em benefícios que se traduzem em imensas melhorias na sua saúde, já que fornece vitaminas e minerais essenciais.

Vejamos: é rico em vitamina A, C, do complexo B e E, ácido málico, pectina e minerais, como o potássio, ferro e cobre.

O seu teor em vitamina C é essencial na prevenção e tratamento de constipações, gripes e anemias. Já a pectina é uma fibra solúvel que contribui para a redução do mau colesterol (LDL) e para a regularização do trânsito intestinal.

O marmelo é também aliado no combate a dores de garganta, aftas, inflamações no estômago, age também como antissético, antiespasmódico e calmante, e ajuda a controlar a diarreia, cólicas e fissuras anais.

Sugestão: veja como pode fazer marmelada ou geleia de marmelo da forma mais tradicional.

Devido ao ácido málico, estimula o fígado, anula os vómitos, ajuda a desinchar e a eliminar o ácido úrico. Por ser rico em potássio, regula a pressão arterial, prevenindo as doenças cardiovasculares.

Já o alto teor de fibra é um laxante natural e possui poucas calorias: por 100g o marmelo fornece 39kcal, das quais 84% são água, 9% são açúcar e 6% são fibra.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *